Prefeitura do Município de Laranjal Paulista

Notícias
03/10/2019
  • Compartilhe
  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Twitter

O Dia das Crianças já começou em Laranjal Paulista

O Dia das Crianças já começou em Laranjal Paulista. A Prefeitura, através da Secretaria de Promoção Social e Política Habitacional e em parceria com a Secretaria de Esportes, Juventude e Lazer, promoveu ontem uma tarde especial para as crianças a adolescentes que frequentam o Espaço Amigo “Vila Zalla” e Casas da Família dos distritos de Laras e Maristela.

O evento marcou o início das comemorações do Mês das Crianças e aniversário do município. O local escolhido foi na quadra poliesportiva do Estádio Municipal e contou com brinquedos infláveis, monitores para gincanas, brincadeiras, pinturas, atividades físicas, e claro, guloseimas como pipoca, algodão-doce, suco e lanches.

Além disso, o prefeito Dr. Alcides de Moura Campos Júnior, entregou camisetas padronizadas às crianças das Casas da Família dos distritos de Laras e Maristela e do Projeto Espaço Amigo da Vila Zalla.
A iniciativa da Secretaria contou com parceria do Governo do Estado de São Paulo e atendeu uma necessidade das crianças que já há anos não tinham o uniforme dos Projetos renovados.

Estiveram presentes também secretário de Promoção Social, Reinaldo Contó, o secretário de Esportes, Juventude e Lazer, Rodrigo Costa, e demais servidores dos Projetos.

A Casa da Família do Distrito de Laras, Maristela e o Espaço Amigo “Vila Zalla” atendem crianças e adolescentes, devidamente matriculadas, de 6 a 14 anos no contraturno escolar com atividades e aulas que visam reforçar a valorização humana e os princípios da cidadania. As atividades são pautadas em experiências lúdicas, culturais e esportivas como forma de expressão, interação, aprendizagem, sociabilidade e proteção social.

O público alvo é, prioritariamente, crianças e adolescentes que vivem em situações de vulnerabilidade social, com vínculos familiares e comunitários fragilizados, ou vivem em situações de discriminação. Porém está aberto também a quem está interessado nos aprendizados sócio-educativos, de acordo com a capacidade operacional das unidades.