Portal Coronavírus
  • Monitoramento
  • Ações
  • Regras
  • Transparência

Prefeitura do Município de Laranjal Paulista

Notícias
16/05/2019
  • Compartilhe
  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Twitter

O projeto piloto de conscientização sobre posse responsável e proteção animal, realizado na Escola “Mônica Benetton de Lara” foi um sucesso!

Foi um sucesso. O projeto piloto de conscientização sobre posse responsável e proteção animal, realizado na Escola “Mônica Benetton de Lara”, foi concluído na última segunda-feira, 13, com direito a evento especial de encerramento, com apresentação das crianças, jogral, muitas outras atividades e surpresas. Os alunos, dos 3º, 4º e 5º anos do Ensino Fundamental, puderam conhecer a cachorrinha Pedrita, que quase morreu vítima de maus tratos. Ela foi adotada, passou recuperação, reabilitação e, hoje, sua história serve para sensibilizar crianças e impedir que outros animais passem por esse sofrimento.

A iniciativa é parte integrante do Programa Municipal do Bem Estar Animal de Laranjal Paulista, instituído recentemente pelo prefeito Dr. Alcides de Moura Campos Junior e será estendido a outras escolas do município. O projeto é fruto de parceria entre a Prefeitura, através das secretarias de Educação e de Agricultura, Abastecimento e Meio Ambiente, e de um grupo de voluntários criado justamente para essa ação, intitulado “Sou do Bem Animal”
Um dos pontos mais importantes do Programa Municipal de Bem Estar Animal são as castrações, que foram quadruplicadas de imediato, já para o mês de maio e agora são disponíveis também a cães e gatos machos.

É destinado exclusivamente à população residente no município, em especial nas localidades mais carentes e distantes, inclusive na zona rural. Há critérios e especificações de prioridade, segundo condições sociais, demográficas e epidemiológicas.

Os interessados devem se inscrever na Secretaria de Agricultura, Abastecimento e Meio Ambiente, as terças e quintas-feiras, das 14h às 16h. O endereço é Rua Suaidam Abud, 241, Centro. É necessário levar comprovante de residência atualizado, em nome do tutor do animal, e uma foto do cachorro ou do gato. Por questões de segurança e saúde veterinária só poderão passar pelo procedimento animais com mais de 6 meses e até 20 quilos